Meu carrinho de compras
Carrinho Vazio

DHEA

Filtrar

DHEA - Vitaminas Brasil

O hormônio da juventude está mais atual do que nunca e há muitos que falam sobre ele. Isso porque a dehidroepiandrosterona, também conhecida como DHEA, é certamente um dos hormônios que está sendo mais estudado atualmente.

Nos últimos anos, inclusive, foi descoberto que ele pode intervir em diferentes processos químicos no organismo. Por esse motivo, é muito importante que seus níveis sejam adequados.

Assim, o seu uso como suplemento alimentar é muito popular. Graças aos seus benefícios potenciais significativos, a reposição hormonal de DHEA tem sido uma preocupação cada vez maior...

DHEA: o que é e para que serve?

A dehidroepiandrosterona (DHEA) é o hormônio esteróide mais abundante no corpo. Ao mesmo tempo em que é produzido naturalmente pelo nosso organismo na glândula adrenal, também ajuda a produzir outras substâncias. Dessa forma, é responsável pela produção de hormônios sexuais masculinos e femininos, incluindo testosterona e estrogênio.

A sua produção natural aumenta gradualmente a partir dos 10 anos. A partir daí, atinge nível máximo de concentração por volta dos 20 anos. Depois disso, entra em declínio de modo gradativo até a velhice. Essa diminuição está relacionada ao aparecimento dos primeiros sintomas do envelhecimento, como memória fraca, doenças articulares, etc.

Assim, ter baixos níveis de dehidroepiandrosterona tem efeitos negativos nas pessoas. Isso porque influencia doenças como osteoporose, arteriosclerose, Parkinson, doenças relacionadas ao sistema imunológico, demência senil e até câncer.

Por outro lado, há evidências de que níveis séricos elevados podem proteger contra doenças cardíacas e estão associados ao aumento da longevidade. Por esse motivo, existe uma versão sintética do DHEA que está disponível em forma de suplemento dietético.

Quais são os seus benefícios de suplementar com dehidroepiandrosterona?

Quando os níveis de DHEA começaram a diminuir em seu corpo, você pode notar algumas mudanças físicas. Essas mudanças incluem, por exemplo:

  • Inchaço do rosto
  • Cabelos secos e quebradiços
  • Aparecimento de celulite nas coxas
  • Sensação de pálpebras pesadas
  • Aumento da barriga
 

Mas, além desses sintomas, a deficiência de dehidroepiandrosterona pode afetar seu humor. Causando aumento da tristeza, falta de libido e desejo sexual e sensação de fadiga contínua. Sem contar que enfraquece seu sistema imunológico.

Felizmente, você pode substituir essa perda natural de DHEA suplementando-o. Isso pode ajudar a manter níveis adequados desse hormônio e retardar o processo de envelhecimento. Os benefícios vão além dos puramente estéticos:

  • Melhora a densidade óssea
  • Melhora o bem-estar psicológico
  • Reduz a gordura corporal
  • Fortalece os músculos
  • Combate a disfunção erétil
  • Aumenta a libido
  • Estimula a função neurológica
  • Tem um grande impacto na função imune
  • Previne hipertensão, diabetes e osteoporose
  • Tem papel modulador na resposta ao estresse, memória, controle do sono e contra a inflamação do organismo
  • Pode melhorar todas as manifestações da síndrome metabólica
  • Beneficia o tratamento de certas patologias, incluindo doenças neurológicas, inflamatórias crônicas e autoimunes
 

Vale ressaltar, porém, que os efeitos positivos da suplementação geralmente precisam de algum tempo. Por isso, é necessário seguir o tempo de uso indicado pelo seu médico.

Quem deve tomar este suplemento?

A suplementação de DHEA é utilizada para o tratamento de desequilíbrios hormonais e antienvelhecimento. No geral, pode ser iniciada a partir dos 40 anos. Contudo, pacientes mais novos podem precisar de um reforço de dehidroepiandrosterona dependendo do caso.

Por exemplo, esse tipo de produto é indicado para pessoas com depressão ou outras condições médicas que causam baixos níveis de dehidroepiandrosterona. Praticantes de atividades físicas, sobretudo as mais intensas e cujo objetivo primário é o ganho de massa, também podem usar o suplemento.

Qualquer que seja o seu caso, o ideal é sempre consultar seu médico e realizar os exames solicitados. Com isso, é possível avaliar os resultados para identificar qualquer deficiência hormonal.

Qual a dosagem ideal de DHEA< por dia?

Depende. Cada pessoa tem um organismo e um metabolismo diferente. A reposição hormonal de DHEA através do suplemento irá depender dos níveis séricos do hormônio no seu corpo.

A dose inicial recomendada para a maioria das pessoas é de 15 a 25 mg por dia. No entanto, ela pode ser maior em alguns casos. Por isso, existem produtos com diferentes dosagens no mercado atualmente:

 

Um médico deve determinar a necessidade e a dosagem apropriada, de acordo com o tratamento definido.

Quais os riscos e efeitos colaterais de tomar DHEA?

Para adultos e idosos, o uso suplementar de DHEA é seguro, desde que as orientações médicas sobre dosagem e tempo de tratamento sejam seguidas corretamente. Contudo, embora seja raro, algumas pessoas podem apresentar efeitos colaterais ao produto:

  • Insônia
  • Redução dos níveis de colesterol bom
  • Aumento de pelos faciais em mulheres
  • Sensibilidade da região peitoral em homens
  • Queda de cabelo
  • Aparecimento de acne
  • Palpitações
  • Aumento da pressão
  • Dor abdominal
 

Além disso, outros efeitos adversos podem ser sentidos quando o suplemento for combinado com certos medicamentos. Por isso, consulte seu médico. Ao notar qualquer reação, interrompa o uso imediatamente e procure um profissional de saúde.

Perguntas frequentes sobre DHEA

Ainda tem dúvidas sobre o hormônio ou a suplementação de DHEA? Então confira a seguir as respostas para algumas perguntas frequentes:

1) Tem como aumentar a produção de dehidroepiandrosterona pela alimentação?

A formação desse hormônio é feita a partir do colesterol. Então, sim, uma boa alimentação é uma alternativa para potencializar a produção de DHEA. Aposte em frutas, carnes magras, vegetais e alimentos orgânicos.

Ao mesmo tempo, evite o excesso de leite, trigo, carboidratos refinados, açúcares e produtos industrializados. E não se esqueça de praticar atividade física. Como resultado, você terá uma longevidade com qualidade de vida.

Se mesmo mantendo uma rotina saudável os seus exames ainda apresentarem baixos níveis de DHEA, você pode iniciar a suplementação com acompanhamento médico.

2) Qual é o melhor horário para tomar DHEA?

Como regra geral, tome seu suplemento de DHEA uma vez por dia de manhã junto à refeição. Em alguns casos, seu médico pode recomendar que você tome mais de uma dose por dia em horários diferentes. Siga as orientações e não exceda a dose diária recomendada.

3) Quem toma DHEA pode beber?

A combinação de álcool com a ingestão de DHEA pode interferir em seu efeito. Isso porque a bebida alcoólica atrapalha a digestão e a absorção do suplemento. Mas você não está proibido de beber. Só tome cuidado para fazê-lo com moderação e em momentos distintos para não causar interação negativa e efeitos adversos.

4) Quem tem ansiedade pode tomar DHEA?

Não só pode, como em muitos casos existe recomendação médica para isso. Afinal, aumentar os níveis de dehidroepiandrosterona pode ajudar a diminuir sintomas de ansiedade. Por isso, um profissional de saúde pode indicar a suplementação para o seu caso.

5) DHEA engorda ou emagrece?

Tomar DHEA não engorda. Pelo contrário, os baixos níveis do hormônio têm sido associados ao ganho de peso. Assim, esse suplemento pode até mesmo ajudar a emagrecer.

Isso porque atua promovendo o aumento da síntese de proteínas e queimando gordura no organismo. Dessa forma, o seu corpo utiliza a sua própria gordura como energia para gerar o aumento de massa.

6)É necessário prescrição médica para comprar e tomar esse suplemento?

O hormônio da juventude não é um medicamento e sim um precursor hormonal que nosso próprio corpo produz. Portanto, não é necessário prescrição médica para tomar o suplemento de dehidroepiandrosterona. Porém, é recomendado que você consulte um médico para verificar e acompanhar os níveis hormonais no seu organismo.

7) Existem contraindicações?

Sim. O hormônio DHEA em forma de suplemento é contraindicado para crianças e mulheres grávidas ou lactantes. Além disso, você não deve tomar se tiver o diagnóstico de algum tipo de câncer hormonal, como próstata ou câncer de mama. Nestes casos, não inicie a suplementação antes de consultar o seu médico.

8) Qual a melhor marca de DHEA?

Atualmente, existem diversas marcas de DHEA no mercado:

  • Life Extension
  • Natrol
  • MRM Nutrition
  • Carlyle
  • Sundown
  • Puritan's Pride
  • 21st Century
  • Entre outras

No entanto, não existe uma melhor ou pior. Cada pessoa tem um organismo diferente e se adapta melhor a uma marca específica. Portanto, siga as orientações e recomendações do profissional de saúde.

9) Onde comprar DHEA com o melhor preço?

Na Vitaminas Brasil você encontra as principais marcas de DHEA com o melhor custo-benefício do mercado. São empresas nacionais e internacionais que trabalham com ingredientes de qualidade para desenvolver suplementos realmente eficazes. Consulte seu médico, confira todas as opções de marcas, dosagens e fórmulas, e adquira agora mesmo!